Fábio Filipe e Inês Peixoto triunfam na Sistelo Extreme Marathon

Evento recebeu mais de mil participantes de 12 países em Arcos de Valdevez e Sistelo.

Fleed

auto auto

A primeira edição da Sistelo Extreme Marathon® teve como grande vencedor Fábio Filipe, que concluiu os 42 da prova rainha em 3h19m56S. O atleta da região de Leiria venceu de forma categórica, deixando o Nuno Graça, da equipa SIMECQ, a 24m48s, e Paulo Gomes, do Benfica em Forma, a 32m38s.

Entre as mulheres, Inês Peixoto, do Benfica em Forma, foi a primeira a cruzar a meta, ao fim de 4h22m00s. Nos lugares seguintes ficaram  Maria Lopes (a 12m16s)  e Carla Mendes, da equipa Tartarugas Solidárias (a 17m58s).

A Sistelo Extreme Marathon® é uma prova única, que combina percursos em ecovia, estradas de montanha, e, numa pequeníssima percentagem, percurso em trilho. A organização está a cabo da Carlos Sá Nature Events®, em parceria com o Município de Arcos de Valdevez e Junta de Freguesia de Sistelo, tendo recebido mais de mil participantes de 12 países.

 

Nuno Fernandes e Mariana Machado vencem 30 quilómetros

Além da maratona, o evento contou com três provas adicionais, de distâncias mais curtas. Nos 30 quilómetros Nuno Fernandes, do Clube Atletismo Fafe foi o primeiro em 2h27m27s, sendo o pódio completo por Nuno Carneiro, do Clube Zupper a 5m20s, e por Amândio Antunes, a 21m06s.

Na competição feminina dos 30 quilómetros triunfou destacada Mariana Machado, do Santa Apolónia (3h04m52s). Carla Pereira, do Olímpico Vianense Trail, concluiu em 3h24m13s, e Liliana Ribeiro em 3h26m41s, ocupando a segunda e a terceira posição, respetivamente.

 

Meia maratona para Paulo Pinto e Diana Sousa

Na distância dos 21 quilómetros, Paulo Pinto foi o mais forte e venceu em 1h27m47s. Carlos foi segundo a 3m32s e José Afonso, do HSantaMariaRT, terceiro a 6m06s.

Diana Sousa, Centro Ciclista de Gondomar , foi a primeira mulher a cruzar a meta, com um tempo  de 1h36m42s. Renata Gonçalves, do Montanha Clube Trail / Efapel) ocupou o lugar imediato (01h43m39s) e Paula Rios, do Viana Running, obteve o lugar mais baixo do pódio (1h50m03s).

 

Prova mais curta sorriu a Ruben Veloso e Cristiana Ferreira

O evento contou ainda com uma prova de 13 quilómetros, com Ruben Veloso a ser o grande vencedor. O atleta do CAAV Trail percorreu a distância 58m27s, deixando Adriano Morais a 3m44s e Ricardo Sá, da equipa AKUAFIT, a 4m20s.

Nas mulheres a vencedora foi Cristiana Ferreira, em 1h14m08s, sendo seguida de Emanuela Perez (1h20m56s) e Carla Sereno (1h24m17s).

 

O Tibete português

Ao longo do percurso os participantes puderam maravilhar-se e apreciar a paisagem verde e luxuriante da região, de frescura abundante e banhada pelo encanto do Rio Vez, terminando na magnífica aldeia de Sistelo, também conhecida pelo, “Pequeno Tibete Português”.

Sistelo, recentemente classificada como uma das “7 Maravilhas de Portugal”, tendo vencido na categoria de Aldeia Rural, foi também reconhecida pelo Governo Português como monumento nacional, o que a torna na primeira do país a deter este reconhecimento.

Praticamente todos os percursos decorreram dentro do Município de Arcos de Valdevez, um dos 5 que integra a área do único Parque Nacional do país, o "Parque Nacional Peneda-Gerês", classificado como Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO em 2009.

redacao@fleed,pt

A primeira edição da Sistelo Extreme Marathon® teve como grande vencedor Fábio Filipe, que concluiu os 42 da prova rainha em 3h19m56S. O atleta da região de Leiria venceu de forma categórica, deixando o Nuno Graça, da equipa SIMECQ, a 24m48s, e Paulo Gomes, do Benfica em Forma, a 32m38s.

Entre as mulheres, Inês Peixoto, do Benfica em Forma, foi a primeira a cruzar a meta, ao fim de 4h22m00s. Nos lugares seguintes ficaram  Maria Lopes (a 12m16s)  e Carla Mendes, da equipa Tartarugas Solidárias (a 17m58s).

A Sistelo Extreme Marathon® é uma prova única, que combina percursos em ecovia, estradas de montanha, e, numa pequeníssima percentagem, percurso em trilho. A organização está a cabo da Carlos Sá Nature Events®, em parceria com o Município de Arcos de Valdevez e Junta de Freguesia de Sistelo, tendo recebido mais de mil participantes de 12 países.

 

Nuno Fernandes e Mariana Machado vencem 30 quilómetros

Além da maratona, o evento contou com três provas adicionais, de distâncias mais curtas. Nos 30 quilómetros Nuno Fernandes, do Clube Atletismo Fafe foi o primeiro em 2h27m27s, sendo o pódio completo por Nuno Carneiro, do Clube Zupper a 5m20s, e por Amândio Antunes, a 21m06s.

Na competição feminina dos 30 quilómetros triunfou destacada Mariana Machado, do Santa Apolónia (3h04m52s). Carla Pereira, do Olímpico Vianense Trail, concluiu em 3h24m13s, e Liliana Ribeiro em 3h26m41s, ocupando a segunda e a terceira posição, respetivamente.

 

Meia maratona para Paulo Pinto e Diana Sousa

Na distância dos 21 quilómetros, Paulo Pinto foi o mais forte e venceu em 1h27m47s. Carlos foi segundo a 3m32s e José Afonso, do HSantaMariaRT, terceiro a 6m06s.

Diana Sousa, Centro Ciclista de Gondomar , foi a primeira mulher a cruzar a meta, com um tempo  de 1h36m42s. Renata Gonçalves, do Montanha Clube Trail / Efapel) ocupou o lugar imediato (01h43m39s) e Paula Rios, do Viana Running, obteve o lugar mais baixo do pódio (1h50m03s).

 

Prova mais curta sorriu a Ruben Veloso e Cristiana Ferreira

O evento contou ainda com uma prova de 13 quilómetros, com Ruben Veloso a ser o grande vencedor. O atleta do CAAV Trail percorreu a distância 58m27s, deixando Adriano Morais a 3m44s e Ricardo Sá, da equipa AKUAFIT, a 4m20s.

Nas mulheres a vencedora foi Cristiana Ferreira, em 1h14m08s, sendo seguida de Emanuela Perez (1h20m56s) e Carla Sereno (1h24m17s).

 

O Tibete português

Ao longo do percurso os participantes puderam maravilhar-se e apreciar a paisagem verde e luxuriante da região, de frescura abundante e banhada pelo encanto do Rio Vez, terminando na magnífica aldeia de Sistelo, também conhecida pelo, “Pequeno Tibete Português”.

Sistelo, recentemente classificada como uma das “7 Maravilhas de Portugal”, tendo vencido na categoria de Aldeia Rural, foi também reconhecida pelo Governo Português como monumento nacional, o que a torna na primeira do país a deter este reconhecimento.

Praticamente todos os percursos decorreram dentro do Município de Arcos de Valdevez, um dos 5 que integra a área do único Parque Nacional do país, o "Parque Nacional Peneda-Gerês", classificado como Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO em 2009.

redacao@fleed,pt

Mais sobre o tema